Skip to content

Só negar é verbo – Thiago Amério

by em 21/12/2013

Só negar é verbo – Crítico omisso

 

Só negar é crime.
Sabe, só nego a informação.

Só ‘nêgo’ que fica dizendo um monte de coisa,

mas quando é testado em frente dos outros

só nega aquilo que todo mundo está careca de saber.

Só negar é verbo.

É um verbo de não contar a verdade

ao passo que também é um advérbio de nunca…

nunca estar agindo (no infinitivo)

conforme deveria ser o agir da consciência (instintiva).

Ou seja, é fugir a cada passo da sua parcela de contribuição.

Ou acha que o mundo por si, roda em nossa mão?

Seríamos diretores exclusivos do destino de cada, cada ser?

 

Só negar imposto e dizer que não pagará nada

é negar a existência do Estado.

É agir impulsivamente todo endiabrado.

Voltamos para a vida selvagem? Ao olho por olho dente por dente?

 

Alguns acham que o excesso e o extremo levam pra frente,

embora até façam seu papel ao impulsionar (ou intrigar) nossas mentes.

 

 

Só negar dizendo que não pode isso, não pode aquilo,

não tem dinheiro pra isso, não tem tempo para aquilo,

na realidade, é ser extremista, vazio e “critiqueiro” –

(mistura de crítica com cinzeiro).

 

Só negar e nada fazer é hipocrisia.

É tão ruim quanto só aceitar e fazer errado.

Não “sempre aceite”, mas também…

Não “só negue”.

 

Use o sim construtivo.

E a vida (melhor) segue.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: