Skip to content

Maquiagem – Thiago Amério

by em 15/05/2013

maquiagem

 

Existe a maquiagem que é a produção, isto é fácil num mundo de superficialidade mercantilizada.

Por outro lado existe a essência que tenta se garantir colocando a cara a tapa na vida, sem maquiagem ou representação,

apenas sendo criativo (e buscando ou não respostas)

procurando encantar.

One Comment
  1. Carla Guedes permalink

    Lembrei com esse texto de uma citação que utilizei numa pesquisa com Profissionais do Sexo. Aqui, o sentido denotativo sobre maquiagem na “noite”:
    “Cosméticos escondem a realidade e dissimulam a aparência; e portanto preservam a identidade da mulher-mãe-diurna-batizada, figura central e onipresente do grupo familiar… ‘maquilagem’ é a criação da prostituta-atriz-noturna-anônima, localizada no tempo (a noite, transitória), no espaço (a rua, aberta e exposta) e encarando alguém específico (o cliente, o ambiente). Maquilagem cria uma segunda pele, que esconde e protege a ‘mulher’, é parte da sua realidade profana; e por isso deve ser removida toda noite. Como em um ritual de purificação, o rosto é limpo, as roupas são mudadas.” (CASTAÑEDA, 1996:241)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: