Skip to content

Pupila – Yohane Cardoso

by em 25/05/2012

Eis mais uma reposição artística, aproveito e divulgo seu espaço: http://janeladopensamento.wordpress.com

 

Se a arte é graça,
há de ser de graça
a energia que passa
da pena pro papel;
pauta da ponta do pensamento.
 
Se é a arte sentimento,
sintetização de sonhos,
expressão de um terço
do suprassumo do apreço,
será pupila do olhar do poeta
e será seu sorriso e seu documento.
 
Se a arte é a santa peleja
planeja prover pão pra mente
sem que se sirva de bandeja:
plante-se a semente, semeie e,
então, há colheita
de um quilo daquilo que prova
que a palavra polida apavora
tudo que não prevalece de beleza.
 
Se a arte arde na essência do homem…
É a pele apelando o apego
dedo agarrando os cabelos do vento
como quisesse que fossem de alguém.
É o joelho que encena o sossego
da terra que encerra os suplícios
da alma
e evapora as gotas de sofrimento.
É a dúvida ávida da vida que não volverá…
e o revólver do disparo foi o tempo,
que não pode parar.
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: