Skip to content

Lembranças de Número Zero – Igor P.F.V.

by em 19/04/2012
 
 
Sem o não
Inexiste solidão
Tamanho é o alçapão
Daquele que prefere a ilusão
 
A vida é compartilhar
E é assim que ela se faz
Sem pensar no mais
O coração simplesmente se compraz
 
Caminhando ou conversando
Certamente amando
O viver um dia de cada vez
Na afirmação do amparando
 
Não quero esperar
Esse alguém por encontrar
Quando já sei o que achei
Resignifiquei
 
Sigo, amigo
Deixando pra trás
O eu que se desfaz
Sabendo que o novo
Não é nada mais
Que outra perspectiva do antigo
 
Deixo de lado o que eu espero
Não penso no que eu quero
Cuidarei com muito esmero
Das lembranças número zero

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: